Topo1Topo2Topo3

Revezamento da Tocha Olímpica


Revezamento da tocha olímpica- Jogos Olímpicos 2016.

Santa Cruz do Sul foi uma das 300 cidades escolhida para fazer parte do revezamento da tocha olímpica-Jogos Olímpicos 2016.

História: “Essa é uma história de quase 3 mil anos. Na Grécia Antiga, os gregos consideravam o fogo um elemento divino e mantinham chamas acesas em frente a seus principais templos – como o santuário de Olímpia, palco dos Jogos Olímpicos da Antiguidade. Para assegurar sua pureza, as chamas eram acesas por meio de uma “skaphia” - espécie de espelho côncavo que converge os raios do sol para um ponto específico.

Para manter a tradição, esse ritual é realizado até hoje. De 90 a 100 dias antes de cada edição dos Jogos, a chama Olímpica é acesa nas ruínas do Templo de Hera, na cidade de Olímpia, na Grécia. O cenário original é recriado para a solenidade, com mulheres caracterizadas como "sacerdotisas" para acender a chama.

Uma vez acesa, a chama é conduzida por meio de tochas, em um grande revezamento, até a cidade-sede dos Jogos. Na rota, uma série de festividades anunciam a chegada do evento. O revezamento termina com o acendimento da pira Olímpica na cerimônia de abertura.”

 

            Nossa escola esta festiva com a passagem da tocha Olímpica e preparou atividades para comemorar esse marco histórico.

A passagem da tocha  ocorreu no da 05/07/2016, mobilizando toda a cidade. A escola Normélio Boettcher não ficou de fora. 

Os alunos do 5° ao 9° ano foram convidados a participar deste evento de repercussão Mundial...

                                                       

Por Márcia Goetze 
15 Julho 2016 - 09h 06
395 
Visualizações

Mais Lidas

Dia 23 de Fevereiro – retorno às aulas

Alunos da NEB na 2ª e 3ª Fase da Olimpíada Escolar

Escola Normélio comemora 27 anos

Início do Ano Letivo 2015

Passeio de Estudos sobre Água

Páscoa na Escola

Alunos do 7º, 8º e 9º Ano visitam a 15º Expoagro Afubra

Alunos do 6º e 7º Ano visitam a Mostra de objetos de tortura da Idade Média